Home YouTube TikTok Jogos love@antenalove.com.br
VOCÊ ESTÁ NA RÁDIO


Papa exorta jovens a "peregrinação espiritual" para Jornada em Lisboa



O mundo inteiro teve de defrontar-se com o sofrimento causado pela perda de tantos entes queridos e pelo isolamento social. A emergência sanitária impediu também a vós jovens -- por natureza projetados para o exterior -- de sair para irdes à escola, à universidade, ao trabalho, para vos encontrardes... Vistes-vos em situações difíceis, que não estáveis acostumados a gerir, reconhece o Papa na mensagem para a XXXVI Jornada Mundial da Juventude, que se celebra nas dioceses no Dia Mundial da Juventude, em 21 de novembro próximo.

Segundo Francisco, aqueles que estavam menos preparados e desprovidos de apoio sentiram-se desorientados. Em muitos casos, surgiram problemas familiares, bem como desemprego, depressão, solidão e vícios; para não falar do stresse acumulado, das tensões e explosões de raiva, do aumento da violência.

Porém, este não é o único lado da moeda. Se a provação pôs a descoberto as nossas fragilidades, fez emergir também as nossas virtudes, nomeadamente a predisposição à solidariedade. Em toda a parte, vimos tantas pessoas, incluindo muitos jovens, a lutar pela vida, semear esperança, defender a liberdade e a justiça, ser artífices de paz e construtores de pontes, acrescenta o Papa na mensagem hoje divulgada pelo Vaticano.

Quando cai um jovem, de certo modo cai a humanidade. Mas também é verdade que, quando um jovem se levanta, é como se o mundo inteiro se levantasse. Queridos jovens, que grande potencialidade tendes nas vossas mãos! Que força trazeis nos vossos corações!, escreve o Pontífice, renovando o convite para a peregrinação espiritual que nos levará à celebração da Jornada Mundial da Juventude em Lisboa no ano de 2023.

O próximo encontro, porém, é nas vossas Igrejas Particulares, nas várias dioceses e paroquias da terra, onde, na Solenidade de Cristo Rei, será celebrado - a nível local - o Dia Mundial da Juventude de 2021, acrescenta.

Leia Também: Papa pede à Igreja que reconheça os erros e peça perdão pelos abusos

Comente:




Legendas

Mais