Ouvir Radio YouTube TikTok Jogos love@antenalove.com.br

Juiz de Fora registra o mês de outubro mais chuvoso dos últimos 45 anos





Informação foi divulgada nesta quarta-feira (3) pela Defesa Civil, que apresentou balanço de atendimentos durante o período. Imagem de arquivo mostra chegada de temporal em Juiz de Fora em outubro de 2021 Fellype Alberto/g1 Dados divulgados pela Defesa Civil nesta quarta-feira (3) apontam que o último outubro foi o mais chuvoso em 45 anos em Juiz de Fora. Apesar da situação, não houve aumento no número de registros e situações de acionamento, segundo balanço divulgado pelo órgão. O volume das chuvas de outubro em Juiz de Fora foi de 285,6 mm. O índice pluviométrico superou em 116,2% a média histórica para o mês e foi 232,09% mais alto do que o de outubro de 2020. “Tivemos a convergência de umidade que já aconteceu no princípio do período chuvoso”, afirmou o meteorologista Claudemir Azevedo. De acordo com a Defesa Civil, as ações de prevenção desenvolvidas pelo órgão foram fundamentais para o bom resultado. Em outubro de 2021, 146 ocorrências foram abertas pelo órgão, sendo 26% de vistorias preventivas. Entre as ações desenvolvidas antes do período chuvoso, está a identificação dos locais prioritários para limpeza de bocas de lobo e a promoção de serviços necessários para minimizar alagamentos. A Defesa Civil atua, ainda, em vistorias preventivas, monitoramentos de áreas, mapeamento de riscos e na capacitação de voluntários para os Núcleos de Proteção e Defesa Civil (Nupdecs). Além disso, o Plano de Contingência foi atualizado com alternativas efetivas e de prevenção para atuar em episódios extraordinários. RECOMENDAÇÕES DURANTE A CHUVA: Redobre a sua atenção! Evite áreas de inundação e não trafegue em ruas sujeitas a alagamentos ou perto de córregos e ribeirões nos momentos de forte chuva. Não atravesse ruas alagadas nem deixe crianças brincando nas enxurradas e próximo a córregos. Não se abrigue nem estacione veículos debaixo de árvores. Atenção especial para áreas de encostas e morros. Nunca se aproxime de cabos elétricos rompidos. Ligue imediatamente para Cemig (116) ou Defesa Civil (199). Se notar rachaduras nas paredes das casas ou o surgimento de fendas, depressões ou minas d’água no terreno, avise imediatamente a Defesa Civil. Em caso de raios, não permaneça em áreas abertas nem use equipamentos elétricos. VÍDEOS: veja tudo sobre a Zona da Mata e Campos das Vertentes


Assessoria de Imprensa: 

Antena Love |

498 Visualizações

Comente:




Legendas

Mais