Home YouTube TikTok Jogos love@antenalove.com.br
VOCÊ ESTÁ NA RÁDIO


Segunda etapa da campanha de vacinação contra febre aftosa é iniciada no RN




Vacinação nesta fase é obrigatória apenas para os animais de 0 a 24 meses, correspondendo a 30% do rebanho atual do estado. Segunda etapa da campanha de vacinação contra febre aftosa é iniciada no RN Divulgação O Instituto de Defesa e Inspeção Agropecuária do Rio Grande do Norte (Idiarn) iniciou a segunda etapa da campanha de vacinação contra a febre aftosa, que vai durar até o fim de novembro. A imunização nesta fase é obrigatória apenas para os animais de 0 a 24 meses, correspondendo a 30% do rebanho atual do estado, mas todos os animais devem ser declarados. O produtor cadastrado junto ao Idiarn deve adquirir a vacina em uma das lojas autorizadas, vacinar os animais e declarar o rebanho em um dos escritórios do órgão, da Emater ou das secretarias municipais de Agricultura. A segunda fase da campanha acontece durante a 59ª Festa do Boi e os criadores que desejam expor e/ou comercializar seus animais no evento precisam obrigatoriamente estar com os rebanhos vacinados, destacou o diretor geral do órgão, Mário Manso. Os criadores participantes da Festa do Boi precisam apresentar a documentação exigida pelo Idiarn, como a Guia de Trânsito Animal (GTA) e o cartão de vacina dos animais. Sobre a febre aftosa O Rio Grande do Norte possui o status livre da febre aftosa com vacinação. Segundo o Idiarn, a meta é que até 2023 o estado retire a obrigatoriedade da imunização e adquira o status de livre da doença sem a vacina. A febre aftosa é uma doença causada por um vírus que provoca febre e aftas, principalmente na boca e entre os cascos dos animais, causando enorme perda na produção de leite e carnes. Vídeos mais assistidos do g1 RN

Comente:




Legendas

Mais