Home YouTube TikTok Jogos love@antenalove.com.br
VOCÊ ESTÁ NA RÁDIO


Guarda Municipal recolhe mais de 80 animais em outubro em Juiz de Fora




De acordo com a corporação, esse é o maior número de animais recolhidos em um único mês desde o início deste ano. Animal recolhido pela Guarda Municipal de Juiz de Fora Prefeitura de Juiz de Fora/ Divulgação A Guarda Municipal recolheu 88 animais durante o mês de outubro em Juiz de Fora. De acordo com balanço da corporação, na comparação com os meses anteriores, este superou todos os outros em número de recolhimento de animais silvestres desde o início deste ano. Nos meses de junho, julho e agosto, a média mensal foi de 8 animais. Em setembro, houve um salto para 36. Já em outubro, foram 88 recolhimentos em 46 atendimentos realizados. Segundo a Prefeitura de Juiz de Fora, 81,8% das ações efetuadas, dizem respeito a resgate de gambás. Foram 72 animais recolhidos, dentre os quais muitos eram filhotes em ninhadas sem a presença da mãe. Além destes, cinco macacos, dois gaviões, dois urubus, um tatu, uma saracura, uma maritaca, uma cascavel, uma cobra cipó, uma jararaca e uma serpente foram recolhidos e encaminhados para Centro de Triagem de Animais Silvestres (Cetas) do Instituto Brasileiro de Meio Ambiente (Ibama), onde passaram por avaliação veterinária, antes de serem reinseridos ao meio ambiente. De acordo com a Guarda Municipal, o período entre setembro e novembro coincide com a época de reprodução da espécie, quando as fêmeas saem em busca de alimento e, por isso, são vistas com frequência na área urbana, revirando lixo ou rondando residências onde há presença de ração e restos que elas possam comer. Eles ressaltam ainda que, os gambás são animais de hábitos noturnos e não representam riscos aos seres humanos. A orientação é deixá-los quietos durante o dia, enquanto dormem. Geralmente, eles partem à noite por conta própria. A Prefeitura pede aos cidadãos para que não agridam, nem espantem estes animais, que podem ser atropelados na fuga. Também não é recomendado mexer na ninhada, para não prejudicar os filhotes. A Prefeitura orienta que, caso algum cidadão encontre um animal silvestre ferido ou em situação de perigo, acione a equipe de Proteção Ambiental da Guarda Municipal, pelo telefone 153, no horário das 8h às 18h. VÍDEOS: veja tudo sobre a Zona da Mata e Campos das Vertentes

Comente:




Legendas

Mais