Home YouTube TikTok Jogos love@antenalove.com.br
VOCÊ ESTÁ NA RÁDIO


Egressos do Senai têm alta empregabilidade e aumento na média salarial




Alinhamento do Sistema Fiep com as demandas da indústria permite uma oferta de cursos do Senai no Paraná focada no mercado de trabalho Entre 2020 e 2021, mesmo com os desafios impostos pela pandemia, o índice de egressos do Senai que conquistaram uma vaga de emprego permaneceu alto. A Pesquisa de Acompanhamento de Egressos 2019/2021, divulgada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) revelou que em cada dez alunos formados pela instituição, sete estão empregados. “O nosso alinhamento com as necessidades da indústria permite atingir níveis altos de empregabilidade. Os alunos têm contato com a realidade do mundo corporativo ainda durante o curso”, destaca Fabiane Franciscone, gerente executiva de Estratégias, Negócios e Educação do Sistema Fiep. Este ano, por meio do Senai no Paraná, o Sistema Fiep passou a oferecer um novo portfólio de serviços educacionais. A mudança trouxe ao mercado uma plataforma de educação corporativa personalizável, laboratórios móveis, telas interativas e realidade virtual aumentada. “Usamos toda a tecnologia disponível para ofertar uma educação de qualidade focada no mercado de trabalho”, observa Fabiane. O desenvolvedor full-stack júnior, Luis Gustavo Martins de Souza, conquistou uma vaga enquanto ainda estava no curso TECH IT do Senai. “O curso dá bastante foco ao mercado de trabalho, te apresentando oportunidades complementares e até mesmo mostrando alguns estágios”, diz. Quando concluiu o Tech IT, foi recomendado por um professor e partiu para um novo desafio. “Veio uma oportunidade melhor e estou trabalhando como desenvolvedor de sistemas web”, completa o egresso. As melhores oportunidades têm aparecido para outros alunos formados pelo Senai. Ainda de acordo com a pesquisa da CNI, houve aumento de 22,7% na média salarial dos trabalhadores que fizeram cursos técnicos pela instituição. Flexibilidade para o mercado O Sistema Fiep, por meio do Senai no Paraná, adequou a oferta de cursos às possibilidades do momento, com opções personalizadas nas modalidades presenciais, híbridas ou 100% on-line, além de cursos instrucionais e técnicos com entradas flexíveis. “O aluno começa a estudar a qualquer tempo e completa a grade curricular por meio da equivalência, a partir da formação complementar oferecida pelos cursos rápidos”, pontua a gerente executiva de Estratégias, Negócios e Educação. A complementaridade foi essencial para que Viviane Rabelo, aluna do último módulo do Curso Técnico em Desenvolvimento de Sistemas - TECH IT, transformasse sua carreira este ano. Formada e Ciências Contábeis, Viviane estava pensando em voltar a estudar. “Ao mesmo tempo em que pesquisava um curso, estava desenvolvendo um projeto na empresa onde eu trabalhava, e tive que solicitar a ajuda do profissional da TI. E foi nesse momento que me perguntei “por que não a área de tecnologia, uma vez que a contabilidade está conectada a ela?”, relata. A escolha foi certeira e os próximos passos estão traçados: “Penso em unificar as duas profissões e desenvolver sistemas de gestão. Vejo que os profissionais são bem requisitados”, conclui Viviane. Alta empregabilidade Entre 2018 e o primeiro semestre de 2021, o Sistema Fiep teve mais de 377 mil alunos matriculados no Senai no Paraná. Segundo uma pesquisa encomendada para a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) e executada pela Paraná Pesquisas, seis em cada dez alunos conquistam uma nova colocação no mercado de trabalho após terminarem o curso. “O conteúdo das aulas me deu técnicas de análise que eu não teria conhecido tão rapidamente. O diploma te eleva a um nível mais competitivo”, finaliza o egresso Luis Gustavo. Descubra o que o Sistema Fiep tem para a sua indústria.

Comente:




Legendas

Mais