Home YouTube TikTok Jogos love@antenalove.com.br
VOCÊ ESTÁ NA RÁDIO


Florianópolis cria canal para morador pedir correção em registro de vacinas que não aparecem no Conecte SUS




Solicitação deve ser feita via internet. Aplicativo do SUS tem certificação nacional de vacinação Covid-19. Vacinação contra a Covid-19 em Florianópolis Cristiano Andujar/PMF/Divulgação A Prefeitura de Florianópolis criou um canal na internet para que o morador possa pedir correções em registros das vacinas contra a Covid-19 feitas no município, caso elas não estejam aparecendo no aplicativo Conecte SUS. Para fazer a solicitação, a pessoa deve acessar este formulário. O aplicativo Conecte SUS é disponibilizado pelo Ministério da Saúde e, através dele, o cidadão pode obter o certificado nacional de vacinação Covid-19, documento que comprova que o paciente recebeu as doses contra a doença. Esse certificado pode ser usado para a política de passaporte da vacina do município (veja mais abaixo). As correções só podem ser feitas em vacinas que foram aplicadas em Florianópolis e o prazo estimado para conclusão do processo é de 7 dias. LEIA TAMBÉM: Passaporte da vacina em Florianópolis exigirá comprovante para eventos com mais de 500 pessoas Brasileiros enfrentam dificuldade para emitir o certificado de vacinação contra Covid Para fazer o pedido de correção, é preciso ter em mãos a carteira de identidade e o comprovante de papel da vacinação. Dificuldades Muitas pessoas de todo o Brasil têm tido dificuldades para emitir o certificado. A Prefeitura de Florianópolis explicou que as Secretarias Municipais de Saúde são responsáveis pelo registro das doses da vacina contra a covid-19 aplicadas nos respectivos municípios. Em alguns casos, entretanto, esse registro não acontece automaticamente. Por essa razão, foi aberto o canal, para que o morador possa informar possíveis erros. A Secretaria Municipal de Saúde esclarece, contudo, que, enquanto órgão municipal, não pode resolver problemas como alteração de senhas de acesso ou correções de falhas no Conecte SUS. Para tal, a administração municipal orienta que a população entre em contato com o suporte do próprio Ministério da Saúde. Dados sobre doses aplicadas em outros países e municípios também não podem ser registrados pela Prefeitura de Florianópolis. Passaporte da vacina A partir de 16 de novembro, todos os estabelecimentos e serviços do setor de eventos, como shows, feiras, congressos e jogos, que tiverem público superior a 500 pessoas precisarão exigir que o cliente esteja com o esquema vacinal completo. Para quem tiver 18 anos ou mais, será exigida a comprovação da segunda dose contra a Covid-19. Os adolescentes entre 12 e 17 anos precisarão mostrar que receberam a primeira dose. VÍDEOS: Vacinação contra a Covid-19 em SC Veja mais notícias do estado no g1 SC

Comente:




Legendas

Mais