Os ímãs extraordinários que podem revolucionar a geração de energia elétrica




Ímãs poderosos estão tornando a eletricidade livre de poluição um passo mais perto. O plasma está confinado dentro do reator com campos magnéticos poderosos Tokamak Energy/BBC Os olhos de Greg Brittles brilham de entusiasmo quando ele explica o projeto em que está trabalhando. Na verdade, é o sonho de todo engenheiro ter um projeto que seja tecnicamente desafiador, que exija que você desenvolva novas tecnologias e soluções para problemas difíceis, mas que também seja importante para o mundo ao mesmo tempo, afirmou à BBC. Desde que concluiu sua pesquisa na Universidade de Oxford, cinco anos atrás, ele tem trabalhado para a Tokamak Energy, uma start-up do Reino Unido que tem planos de construir um reator de fusão. A fusão é a reação que alimenta o Sol e todas as outras estrelas. Se essa energia pudesse ser aproveitada na Terra, forneceria uma fonte abundante, a partir de apenas uma pequena quantidade de combustível e sem produzir dióxido de carbono. O princípio é fácil de entender. Pegue os átomos de hidrogênio, adicione calor e pressão suficientes e eles vão se fundir para formar o hélio. Durante esse processo, parte da massa de hidrogênio é transformada em calor, que pode ser usada para produzir eletricidade. O problema é que, para fazer a fusão acontecer, é preciso aquecer os isótopos de hidrogênio a centenas de milhões de graus, até que eles se tornem tão energéticos que se separem em um estado giratório de matéria chamado plasma. SAIBA MAIS: Cientistas criam primeiro ‘líquido magnético’, que pode revolucionar a medicina Greg Brittles, executivo da Tokamak Energy, empresa que tem tentado realizar fusões Tokamak Energy/BBC O desafio sempre foi conter esse plasma. As estrelas fazem isso com a gravidade, mas na Terra o método mais comum é usar campos magnéticos poderosos para manter o plasma confinado. Grande parte do desafio de engenharia se resumiu à construção de ímãs: eles precisam ser poderosos o suficiente para conter uma massa de matéria incrivelmente quente e rodopiante. Ainda neste ano, Bob Mumgaard e sua equipe da Commonwealth Fusion Systems (CFS) vão testar um ímã inovador que, segundo eles, pode dar esse salto tecnológico. Pesando 10 toneladas, o ímã em forma de D é grande o suficiente para acomodar uma pessoa. Cerca de 300 km de uma fita eletromagnética muito especial é enrolada na forma da letra D. A fita em si é um feito de engenharia que levou décadas para ser desenvolvida. Camadas finas de óxido de cobre e bário de terras raras supercondutor (ReBCO) são depositadas em uma fita de metal. Quando resfriado, esse feixe de fita pode conduzir eletricidade de forma extremamente eficiente, o que é essencial porque 40 mil amperes vão passar por ele, eletricidade suficiente para abastecer uma pequena cidade. Quando o local de fusão está resfriado, isso significa que a fita está resfriada a menos 253º C, o que pode soar absurdamente frio, mas no mundo dos materiais supercondutores é uma temperatura bastante quente. A geladeira que estamos usando é como uma geladeira que caberia em uma cozinha comum, disse Mumgaard, co-fundador e presidente-executivo da CFS. É a mesma coisa com a geração anterior de tecnologia... precisaríamos de uma geladeira do tamanho da sua casa (para ter o mesmo efeito). A CFS está planejando um reator que abrigará 18 desses ímãs, dispostos em um anel - uma configuração conhecida como tokamak - e recentemente selecionou um local para a instalação do reator em Massachusetts, nos Estados Unidos. Fomos os primeiros a realmente obter esse ímã, indo além de um modelo em escala reduzida, com Pamp;D [pesquisa e desenvolvimento] realizado por empresas menores e alguns laboratórios nacionais, diz o engenheiro. A Tokamak Energy teve que descobrir como enrolar delicada fita supercondutora em bobinas Tokamak Energy/BBC Agora, estamos todos empenhados na construção de máquinas de fusão. Você não precisa passar de algo em uma espécie de escala de brinquedo para algo que está em escala de fusão, diz Mumgaard. O salto em tecnologia magnética também é fundamental para o projeto de fusão da Tokamak Energy no Reino Unido. Brittles passou os últimos cinco anos desenvolvendo essa tecnologia e atualmente está ajudando a construir um demonstrador que terá uma série de ímãs poderosos trabalhando em conjunto. Será uma montagem de muitas, muitas bobinas gerando forças que estão interagindo e puxando umas às outras, formando um conjunto equilibrado. Isso tem que ser controlado ou as forças podem ficar desequilibradas, explica. As forças que esses campos magnéticos podem gerar são enormes. Brittles compara a potência total da força gerada por seus ímãs ao dobro da pressão no fundo da mais profunda fossa do oceano. Quando esses ímãs estiverem prontos, serão colocados em um tokamak esférico - um reator de fusão em forma de maçã. A pesquisa sugere que tal projeto irá gerar mais energia para cada unidade do que o tokamak comumente usado até hoje. O verdadeiro desafio é a fusão comercial. E é isso que realmente está nos impulsionando, porque estamos nos concentrando no tokamak esférico por causa das vantagens comerciais de longo prazo, diz David Kingham, um dos fundadores da Tokamak Energy e atualmente vice-presidente executivo da empresa. Acreditamos que nossa tecnologia será colocada em uma planta piloto de fusão no início de 2030, diz ele. Acho que será uma corrida global. Existem empreendimentos privados interessantes nos Estados Unidos. E estaremos em uma corrida com eles. A promessa de um reator de fusão funcional já existe há décadas. O maior projeto está em andamento no sul da França, onde um consórcio de nações está construindo o ITER, um reator gigante que custou bilhões de libras para ser construído e está há anos atrasado. No entanto, projetos mais compactos como os planejados pela Tokamak Energy e CFS estão atraindo investidores privados, que apostam em sua possível viabilidade comercial. Wal van Lierop fundou sua empresa de capital de risco, a Chrysalix, há 20 anos e, desde 2008, investiu dezenas de milhões de dólares na empresa canadense General Fusion. Historicamente, diz ele, a indústria de fusão tem lutado para levantar financiamento, em parte porque muito dinheiro foi investido no ITER, mas esse cenário está mudando, diz. Vejo mais dinheiro sendo investido, mais juros e as pessoas estão começando a perceber que essa é uma tecnologia de plataforma muito grande e que não é mais algo que pode ou não funcionar até 2050. O executivo ressalta que o potencial é enorme. O mercado global de eletricidade vale cerca de US$ 3 trilhões (mais de R$ 15 trilhões) por ano e tende a crescer. Se esta (fusão) for bem-sucedida, isso abrirá a maior transição da indústria que já vimos. De volta à face do carvão (ou talvez face do plasma), Brittles confessa que ainda há muito trabalho de engenharia a ser feito, mas ele está confiante. Estamos trabalhando duro para enfrentar muitos desafios, diz.








Gustavo Scarpa, do Palmeiras, viraliza como crítico literário na internet

UEFA investiga possível infração da Macedónia do Norte nas análises à covid-19

Bolsonaro edita decreto que permite militares no governo por tempo indeterminado

‘Governo vai desmoronar’, diz Aziz às vésperas de depoimento sobre Covaxin

Chanceler é único sem máscara em bate-papo no Planalto; até Bolsonaro usou





     

| CoronaVírus:

Ante Love

Ministério Público vê indícios de crime na compra da vacina indiana Covaxin


Ante Love

Morreu de covid-19 no ES | Após velório de padre, secretaria orienta que presentes façam testes


Ante Love

Em entrevista, servidor da Saúde relata que avisou Bolsonaro sobre suspeitas na importação da vacina Covaxin


Ante Love

Bolsonaro foi avisado sobre irregularidades na compra da Covaxin


Ante Love

Pandemia no Brasil | SP: com Nunes, Doria minimiza apagão de vacinas na capital e promete mais doses


Ante Love

Servidor da Saúde diz que avisou Bolsonaro sobre suspeitas na importação da vacina Covaxin


Ante Love

CPI da Covid pergunta à PF se Bolsonaro avisou sobre suspeita de corrupção na Covaxin


Ante Love

CPI da Covid cobra Polícia Federal sobre suspeitas de corrupção com Covaxin


Ante Love

Covaxin. Presidente do Brasil foi alertado sobre irregularidades em contrato de vacina indiana


Ante Love

Após vacina, narrador volta à Globo e recebe homenagem emocionante; veja


Ante Love

Bolsonaro sabia de irregularidades na compra da Covaxin, diz servidor


Ante Love

Brazil official says he warned Bolsonaro over pressure to buy Bharat vaccine


Ante Love

Brazil official says he warned Bolsonaro over pressure to buy Bharat vaccine - Reuters


Ante Love

Bailarino Thiago Soares inicia nova fase com estreia de Trans Point


Ante Love

Alerted Bolsonaro About Internal Pressure To Buy Covaxin: Official


Ante Love

Governo quer R$ 3 bilhões em empréstimo internacional para comprar vacinas


Ante Love

Funcionario brasileño dice que advirtió a bolsonaro de presiones para comprar la vacuna bharat


Ante Love

Deputado diz que alertou Bolsonaro sobre compra suspeita da Covaxin


Ante Love

Emirados Árabes oferece vacina gratuita para visitantes estrangeiros


Ante Love

Vacina não é vinho ou cerveja: veja 5 motivos para não escolher agora qual imunizante tomar contra a Covid-19


Ante Love

Com alta na média móvel, Brasil supera 18 milhões de casos de Covid; mortes voltam a ficar abaixo de 2 mil em média


Ante Love

Gonzalo Urtizberea: Prefiero manejar Uber antes que dar clases por Zoom


Ante Love

Lauro e Gabeira: As manifestações e o surto de Bolsonaro


Ante Love

PSB investe em frente amplíssima contra Bolsonaro ao filiar Dino e Freixo


Ante Love

Centro de Pesquisa que abriga Sirius cria curso de graduação em ciências com seleção pelo Enem


Ante Love

Ibovespa cai na contramão de Wall Street e dólar fecha abaixo de R$ 5,00 pela 1ª vez em mais de um ano


Ante Love

Jornalista da Globo ironiza falta de vacinas: ‘Olha a vacina! É mentira’


Ante Love

Caco Barcellos celebra seu retorno às reportagens de rua: Foi estranho acompanhar tudo o que estava acontecendo de casa


Ante Love

Brasil supera los 500 mil muertos por Covid


Ante Love

Jornalista da Globo | Maria Beltrão posta foto após vacina e altura surpreende fãs


Ante Love

Luciano Huck é vacinado no Rio de Janeiro e elogia o SUS: orgulho de ser brasileiro


Ante Love

SP: Governo estadual e Prefeitura dão explicações opostas para falta de vacinas


Ante Love

App de paquera | Tinder cria recurso que permite conversar via chat antes do match


Ante Love

Reação em Guaratinguetá (SP) | Bolsonaro se irritou e reclamou de ter sido chamado de genocida, diz prefeito


Ante Love

O agricultor aposentado que viralizou com vídeos que levam a orgasmo mental


Ante Love

Atos serão em um sábado | Campanha nacional contra Bolsonaro marca nova manifestação para 24 de julho


Ante Love

Padre Omar celebra aniversário com ações beneficentes para a população de rua na Catedral Metropolitana do Rio


Ante Love

Bolsonaro insulta a periodistas porque le preguntaron por los 500.000 muertos por COVID-19


Ante Love

Não tem o menor risco da vacinação ser suspensa no Rio, garante secretário


Ante Love

Covid: taxa de assintomáticos com variante P1 é de 11%, considerada elevadíssima


Ante Love

LA DOMUS AUREA TORNA A SPLENDERE NEL SEGNO DI RAFFAELLO E CON UN NUOVO INGRESSO – INAUGURATA A ROMA LA PASSERELLA “AEREA” PROGETTATA DALL’ARCHISTAR STEFANO BOERI CHE PORTA DIRETTAMENTE NELL’AULA OTTAGONA – NELLA SALA LA MOSTRA MULTIMEDIALE “RAFFAELLO E L’INVENZIONE DELLE GROTTESCHE”. LA STAR DELLALLESTIMENTO RESTA LA STATUA CICLOPICA DELLATLANTE FARNESE ARRIVATO DAL MUSEO ARCHEOLOGICO DI NAPOLI… - VIDEO


Ante Love

Bolsonaro revive general da ditadura com cala-boca a jornalista. Compare os vídeos


Ante Love

CPI da Covid aprova lista de Renan que transformou 14 testemunhas em investigados


Ante Love

Integrantes da CPI da Covid criticam ataque de Bolsonaro


Ante Love

MP da Eletrobras vai à sanção de Bolsonaro; CSN recomprará ações, Casino prepara terreno para vender fatia do GPA e mais notícias


Ante Love

Bolsonaro manda callar la boca a una periodista que le había preguntado por su mascarilla


Ante Love

A possível saída do Casino do GP, Osmar Terra na CPI e a privatização da Eletrobras: As notícias mais quentes do dia


Ante Love

Pandemia de coronavírus | SP: capital receberá 186 mil doses para retomar vacinação amanhã, diz secretário


Ante Love

A maré baixa da extrema-direita e os festejos precipitados


Ante Love

Carol Narizinho defende Bolsonaro e critica Globo: Jornalismo imparcial